(Review 173) - O ódio que você semeia

em 27 de enero de 2018

The hate U give / El odio que das
Angie Thomas

Galera Record / Océano Gran Travesia / Delacorte Press 

384 Páginas
 Misterio / Suspense / Juvenil

Goodreads / Amazon / Saraiva / Skoob
★★★
*** Para leer esta reseña en Español, haz click AQUI
Starr aprendeu com os pais ainda muito nova, como uma pessoa negra deve se comportar na frente de um policial. Não faça movimentos bruscos. Deixe as mãos sempre à mostra. Só fale quando te perguntarem algo. Seja obediente. Quando ela e seu amigo, Khalil, são parados por uma viatura, tudo o que Starr espera é que Khalil também conheça essas regras. Um movimento errado, uma suposição e os tiros disparam. De repente, o amigo de infancia da garota está no chão, coberto de sangue. Morto. Em luto, indignada com a injustiça tão explícita que presenciou e vivendo em duas realidades tão distintas (durante o dia, estuda em uma escola cara, com colegas brancos e muito ricos - no fim da aula, volta para seu bairro, periférico e negro, um gueto dominado pelas gangues e oprimido pela polícia), Starr precisa descobrir a sua voz. Precisa descobrir o que fazer com o triste poder que recebeu ao ser a única testemunha de um crime que pode ter um desfecho tão injusto quanto seu início. Acima de tudo, Starr precisa fazer a coisa certa. Angie Thomas, em uma narrativa muito dinamica, divertida, mas ainda assim, direta e firme,  fala de racismo de uma forma nova para jovens leitores. Este é um livro que não se pode ignorar.  
 Resenha:


Durante o ano passado li várias resenhas sobre este livro e todas coincidiam em duas coisas: os diversos elogios à obra e o quanto a trama é estritamente necessária nos dias atuais.

32613366O ódio que você semeia não é um livro de amor, ou de aventuras, infelizmente não se trata de uma distopia, ou de alguma criativa fantasia. Trata de uma história real, brutal, esmagadora em muitos momentos, trata sobre minorias sim, mas sem adotar um discurso clichê do qual já estamos cansados. 
O ódio que você semeia é um discurso puro, um grito angustiante que parece estar cravado no fundo da garganta de muitos, é mais que nada o retrato de uma realidade perturbadora que está bem ali, e muitas vezes ignoramos, outras tantas vezes sentimos compaixão e já está, nos contentando em não fazer muito mais além disso.

Eu realmente não imaginava que fosse conectar tanto com Starr e sua familia, com seus amigos e até mesmo com seus sentimentos. Starr é mais que uma protagonista, é uma representante. E não está ai representando uma raça, mas representando aqueles que seja por suas condições sociais precárias, seja por quaisquer razões em particular foram negligenciados, esquecidos pela maioria dominante, renegados para viver à margem da sociedade.

O ódio que você semeia não fala apenas sobre guetos e rap, sobre Malcom X e seus Panteras Negras. Fala sobre alçar a voz, sobre encarar os fatos, sobre aceitar o que somos e sobre tentar transformar a desesperança em um simbolo de mudança. 

Starr, como já disse, não é apenas uma protagonista. Ela é uma garota tão real que podemos fechar os olhos e visualizá-la, com seus medos, dramas e receios. Ela é uma boa aluna, gosta de esportes, boa filha. Mas também é mais que isso. Ela é a garota que encarou a dor da perda, que tem que acordar e viver em um entorno que a trata como "diferente" por conta de suas origens. Star é forte até mesmo quando está questionando sua covardia ou o que julga ser sua fraqueza. E é um exemplo até quando sabemos que ela não é sequer real, mas um personagem magistralmente criado pela maravilhosa Angie Thomas.
Junto à Starr é impossivel não mencionar sua familia. Angie Thomas teve o cuidado e zelo de criar personagens realmente fortes e cativantes. Os pais de Star são um exemplo não apenas de dignidade e superação, mas também de como uma familia unida pode vencer as adversidades.

O ódio que você semeia fala sobre crescer em um entorno que não te oferece nenhuma perspectiva e ainda assim encontrar um caminho para orgulhar-se. Fala sobre violência policial, drogas, a vida de escassez das periferias americanas, é certamente um retrato cruel e verdadeiro dos guetos. Mas vai além ao nos mostrar a história de quem venceu, de quem superou as adversidades e recusou-se a ser parte das estatisticas. Nessa sociedade moderna onde movimentos sociais tomam força através de hashtags, nesse livro aprendemos que às vezes é preciso mostrar a cara, expor os medos e confiar nos que estão ao nosso redor para poder realmente alcançar os objetivos.


"Às vezes você pode ter feito tudo certo e mesmo assim as coisas terminarem saindo mal.
O segredo está em nunca deixar de fazer tudo certo."

Que O ódio que você semeia é um livro atual e necessário é fato. Mas mais do que isso, convido vocês a embarcar nessa leitura justamente por apresentar-nos uma trama que, apesar de dura, é diferente do que vários de nós costuma ler rotineiramente. Um livro que, apesar da forte crítica social, consegue ainda assim manter momentos de leveza, de humor e até mesmo nos comover com algumas cenas cheias de encanto e de um romantismo doce que nos faz perceber que até mesmo nas ruas áridas do gueto há espaço para sonhar, suspirar e também esperar por um amor ou por amigos especiais que façam a vida valer a pena.

Com toda certeza quero ler as futuras obras que Angie publicará. Além dessa mensagem tão relevante que ela conseguiu expressar de maneira sublime, a autora possuí uma narrativa poderosa, capaz de fazer o leitor rir, chorar e sofrer, tudo em um simples passar de páginas.
Em resumo, O ódio que você semeia  é uma história muito bem escrita, coerente, realista, um manifesto sincero e verdadeiro sobre as minorias que não merecem ser caladas e ignoradas, uma reflexão dura e forte sobre o poder da união e sobre a dificuldade em mudar os valores errados que permanecem presentes até o dia de hoje na sociedade e precisam urgentemente ser revistos.

Imagen relacionada

Resultado de imagen para angie thomasAngie Thomas nasceu e foi criada em Jackson, no Mississippi, o que se percebe pelo seu sotaque. Quando adolescente, era rapper e sua maior conquista foi ter escrito um artigo sobre si mesma na Revista Right On! (com foto). É bacharel em escrita criativa pela Belhaven University e possui um diploma não oficial em Hip Hop. Ela ainda sabe fazer rap, se for preciso. Seu livro de estreia, O Ódio Que Você Semeia (The Hate U Give), foi o primeiro a vencer o Walter Dean Meyers Grant, em 2015, na categoria We Need Diverse Books. O romance será adaptado para o cinema, pela Fox, e chegou ao primeiro lugar da lista do New York Times na semana de seu lançamento.

Web Page Oficial: http://angiethomas.com/

Twitter: Angie Thomas



Beijokas!!!

Nos Lemos...


Alice

34 comentarios:

  1. Alice sua linda!

    Seu blog tá um amor, viu??? Aprovei o titulo do blog e o layout e ahhhhh
    adoro suas resenhas né? <3
    adoro livros que passam uma mensagem forte que mexe com o que a gente sempre imaginou que fosse daquele jeito ou melhor - que nunca tinha parado pra pensar.

    Alice, voce tem pagina do blog no facebook???
    Beijocas da Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

    ResponderEliminar
  2. i Alice,
    Estou mega ansiosa por esse livro desde quando ele ganhou o prêmio do Goddreads.
    Acho que é uma história envolvente e para se emocionar.
    Beijos
    estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  3. Oi Alice! Tudo bom?
    Esse livro foi uma das minhas melhores leituras ano passado. A narrativa da Angie é maravilhosa, não dava pra parar de ler! E, apesar do tema pesado (e absolutamente necessário de discussão), ela conseguiu desenvolver muito humor e simplicidade nas personagens - principalmente na Starr. QUE PROTAGONISTAAAA.
    Amo amo amo e mal posso esperar pelo próximo da autora.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderEliminar
  4. Świetny post <3 bardzo mi się podoba :* oraz super blog :) obserwuję i zostaję tu na dłużej :D zapraszam http://mysterious-natalia.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. Oi, Alice!
    Eu amo um livro e é isso! Muito maravilhoso, hino demais <3
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderEliminar
  6. Minha gente QUE RESENHA MARAVILINDA!
    E que livro maravilindo é esse?! Preciso pra ontem!

    Meu Blog <3

    ResponderEliminar
  7. OI Alice! Eu ainda não fui capturada por este livro. A história realmente parece ser de uma temática relevante e abordada de forma marcante, mas estou na dúvida sobre quando vou ler. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderEliminar
  8. Oi, Alice. Lendo resenhas tão boas assim só aumentam minha vontade de ler esse livro. É tão bom ver tramas que trazem mais da nossa realidade, representam tudo aquilo que precisamos falar e ainda aprender, viver. Eu fico maravilhada com a obra que alguns autores conseguem trazer em suas páginas e a Angie com certeza tem conseguido fazer exatamente isso.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderEliminar
  9. Oi Alice, estou lendo críticas muito boas a respeito deste livro, o que tem me chamado muito atenção para ele. O enredo é bem atual mesmo e importante para várias reflexões, sem contar que este lado realista dele é mais do que perfeito.
    Bjs, Rose

    ResponderEliminar
  10. O meu último post também é uma resenha desse livro maravilhoso, um livro que eu gostei bastante! <3

    MRS. MARGOT

    ResponderEliminar
  11. Gostei da resenha Alice. Aprecio livros que fazem essa abordagem inteligente sobre diversos temas sociais. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderEliminar
  12. Oi Alice!

    Tudo bem? Eu estou muito louca para ler O Ódio que Você Semeia desde o ano passado porque ABSOLUTAMENTE TODO MUNDO tem falado bem desse livro na blogosfera.

    Gosto de livros que trazem debates sociais para as suas histórias e que tratam isso de maneira sensível, mas que ao mesmo tempo dão um verdadeiro tapa na nossa cara.

    É ótimo saber que o livro não apenas te cativou, como também te fez querer outras coisas da autora. Adoro quando isso acontece. O livro já está na minha wishlist e minhas expectativas só aumentam conforme leio as resenhas sobre ele!

    Beijinhos
    www.paraisoliterario.com

    ResponderEliminar
  13. Oi Alice!
    Adorei sua resenha. Esse livro parece ser maravilhoso, preciso muito ler.
    Ah... Estou seguindo seu blog em espanhol! Comecei a estudar espanhol agora, vou ler seus posts para treinar. *-*

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderEliminar
  14. Oi Alice, que resenha maravilhosa! Adorei! Eu quero super ler o livro, todo mundo fala bem da escrita da autora e tb quero conferir o filme!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderEliminar
  15. Oii Alice, tudo bem? quero muito ler esse livro, ainda mais por abordar um tema tão importante como o preconceito racial e das minorias, acredito ser uma leitura necessária para todo mundo.
    -Beijos,Carol!
    http://entrehistoriasblog.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  16. Segunda resenha que vejo desse livro hoje, mais uma que amei demais e me deixou muito interessada na leitura :D

    https://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  17. Eu não conhecia esse livro, mas quero muito ler ele depois de sua resenha. A capa é linda, assim como a sinopse.

    Abraços...

    https://submundosliterarios.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  18. AAAAAAAAAAaaaaa eu sou louca por esse livro! Adorei a resenha <3

    ResponderEliminar
  19. Olá!
    Essa será uma das minhas próximas leituras e estou bem animada pra essa trama. Acho que traz questionamentos importantes que precisam ser lidos e debatidos entre as pessoas.
    Espero gostar dessa leitura.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderEliminar
  20. Oi, Alice!
    Eu já vi várias resenhas desse livro e todas falam muito bem sobre ele.
    Assim como você explicou, entendo que é uma obra que precisa ser lida e que trata de um assunto necessário e atual. Porém, não tive vontade de ler, acredita? Já tentei colocar na minha cabeça que preciso ler, mas não consigo... Vai entender!
    Beijinhos,


    Galáxia dos Desejos

    ResponderEliminar
  21. Menina, me emocionei só de ler essa resenha. Tão lindo, tão puro e tão profundo, me deu vontade ser melhor,de fazer mais pelos outros e por mim mesma.
    Já coloquei na minha wishlist e estou ansiosa com a leitura.

    Um super beijo
    Livros em Contexto

    ResponderEliminar
  22. Eu estou louca para ler esse livro! Já comprei e estou esperando ele chegar para que possa finalmente começar a leitura! Parece ser uma ótima obra, e estou ansiosa!
    Adorei a resenha!
    Beijo

    ResponderEliminar
  23. Oi! Uma das melhores resenhas que li desse livro. Enalteceu o trabalho da autora e mostrou que vai muito além de uma simples história. E saber um pouco mais sobre ela, me agradou bastante. Bjos ❤

    Click Literário

    ResponderEliminar
  24. Oie
    Tenho muita curiosidade em ler este livro, parece ser ótimo e um enredo muito bom. Só vejo comentários positivos sobre a obra.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  25. Oi Alice,

    Parece ser um livro bem realista mesmo, pela sua resenha percebi que tem um bom enredo.
    Apesar de não ser muito o meu gênero, fiquei curiosa com a leitura.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  26. Oi, Alice!
    Que coisa mais lindaaaaaa!
    Vi muita gente falando por alto sobre esse livro, mas é a primeira resenha que realmente leio.
    E achei que a capa foi muito linda, apesar do tema forte e importante, tem um quê de leveza.
    Adorei o enredo e a premissa, mesmo que triste. Essa não é a minha realidade, mas sei que é a de muita gente. E mais do que uma mensagem a se passar, sei a importância da representatividade, que tenho certeza foi abordada.
    É uma leitura que pretendo fazer, talvez ainda em 2018.
    :D

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderEliminar
  27. olá... desde que vi o lançamento fiquei curiosa pra fazera leitura, pelo que percebi é uma leitura forte, dilacerante e envolvente... adoro livros que abordem essa temática e certamente irei chorar horrores com a leitura...

    adorei a capa em inglês, mais do que a edição brasileira...
    bjs...

    ResponderEliminar
  28. Uau, que resenha foi esta? Ainda estou impactada com ela!
    Vi este livro em um post aqui no seu blog, se não me engano de livros que leria no primeiro mês do ano e fiquei bem curiosa quanto a ele, mas, acabei esquecendo e não fui procurar nenhuma resenha, a sua é a primeira que leio e sério, estou chocada com a sua resenha porque se o livro for tudo isso, deve ser realmente fantástico.
    Muito interessante o fato de não falar somente de racismo, mas sim, ser um grito do fundo do coração para todas as minorias.
    Acabei de colocá-lo em minha e espero lê-lo em breve. Adorei mesmo a sua resenha.

    Beijos.
    Magia é Sonhar

    ResponderEliminar
  29. Oi, Alice! Tudo bom? ^-^
    Menina do céu, que resenha mais maravilhosa de linda foi essa? Sério, adorei!
    Já vi um zilhão e meio de pessoas elogiando esse livro, mas acho que essa foi a primeira resenha, de fato, que eu peguei pra ler. E preciso dizer, que bom que eu fiz isso!
    Achei super bem escrita e capaz de realmente convencer o leitor da maravilhosidade desse livro. Depois dessa, eu com certeza vou ter que dar prioridade a ele na minha wishlist u_u

    Um super beijo e uma ótima semana! :*
    www.inconstantecontroversia.blogspot.com

    ResponderEliminar
  30. Sabe o que é mais interessante, negros não são minorias, mas são tratados como se fossem, no Brasil, por exemplo, trata-se de 51% da população, ainda assim, são dizimados pelo racismo institucional. Este livro é o que pretendo trabalhar este ano em sala de aula.

    ResponderEliminar
  31. Oi Alice, como vai?
    Que resenha maravilhosa! Eu também li e como você fiquei maravilhada com a narrativa forte e impactante da Angie. Para um primeiro livro, ela mostrou que veio para ficar. Ainda não fiz resenha sobre ele, pois ainda estou digerindo o que li e procurando entender melhor tudo que absorvi da leitura.
    Beijokas
    www.docesletras.com.br

    ResponderEliminar
  32. Alice! Tenho muita vontade de ler este, mas ainda não tive oportunidade, o que me deixa bastante triste. Adorei a resenha.


    Grande abraço!
    www.cafeidilico.com

    ResponderEliminar
  33. SUPER AMEI AGORA ME EMPOLGUEI PRA LER .

    https://mundodaveeh.wordpress.com/.

    ResponderEliminar
  34. OOi Alice!!
    Nossa eu tive a chance de ganhar esse livro em parceria com a editora e deixei passar por descuido meu, toda vez q vejo alguma resenha dele eu fico remoendo de raiva hahaha, mas quero ler, é uma obra q sem duvidas abre a visão do mundo!

    Beijinhos!
    Amanhecer Literário

    ResponderEliminar