(Review 224) - O casal que mora ao lado

em 8 de agosto de 2018

Título original: The Couple Next Door
Autor: Shari Lapena
Editora: Editora Record (Brasil) / Suma de Letras (Argentina) / Penguin Books (EUA)
Páginas: 320
Gênero: Suspense / Thriller / "Domestic Noir"
Autoconclusivo

Goodreads / Amazon / Skoob / Saraiva
O Casal Que Mora ao LadoTudo começou em um jantar... É o aniversário de Graham, e sua esposa, Cynthia, convida os vizinhos, Anne e Marco Conti, para um jantar. Marco acha que isso será bom para a esposa; afinal, ela quase nunca sai de casa, desde o nascimento de Cora e da depressão pós-parto. Porém, Cynthia pediu que não levassem a filha. Ela simplesmente não suporta crianças chorando. Marco garante que a bebê vai ficar bem dormindo em seu berço. Afinal, eles moram na casa ao lado. Podem levar a babá eletrônica e se revezar para dar uma olhada na filha. Tudo vai dar certo. Porém, ao voltarem para a casa, a porta da frente está aberta; Cora desapareceu. Logo o rapto da filha faz Anne e Marco se envolverem em uma teia de mentiras, que traz à tona segredos aterradores. 

Resenha:

* Resenha anteriormente postada no blog Resenha Atual, onde estive como colaboradora 


O casal que mora ao lado é um suspense psicológico voltado maiormente à um novo subgênero de livros de mistério, o domestic noir, que são história ambientadas dentro da própria residência do personagem.

O livro nos apresenta uma mãe insegura e atormentada, que se sente culpada por haver deixado sua pequena filha sozinha por alguns instantes e um pai que tenta lidar com a esposa enferma e a filha pequena desaparecida. 
Narrado em terceira pessoa, conheceremos aqui três pontos de vista distintos, o de Anne, o de Marco e também o do investigador do caso, o detetive Rasbach.

Confesso que tive dificuldade com a narração em terceira pessoa. São poucos os livros que leio em terceira pessoa e me resulta dificil de inicio centrar-me na história e nos personagens através da voz deste narrador oculto que sabe tudo o que está acontecendo. No entanto, a história está bem desenvolvida, e a tensão permanente consegue manter-se até o final. A autora introduz muitas reviravoltas na trama, que desmontam qualquer teoria inicial, e nos permite suspeitar de todos os personagens. Justamente por ser uma narrativa em terceira pessoa fica mais dificil conhecer à fundo os personagens e como consequência, terminamos por suspeitar até mesmo daqueles que deveriam soar como inocentes.
Shari Lapena sabe jogar com a mente do leitor, e através das conclusões de Rasbach por exemplo recebemos pequenas pistas que podem ou não ser verdadeiras ao final.
Achei interessante a maneira como o caso vai ganhando um contorno cada vez mais sombrio, até o ponto em que fica dificil para o leitor visualizar um final para este caso tão intrincado.

No entanto, houve algo que me desconcertou bastante e foi precisamente o seu final. Não termino por entender porque a autora quis incluir coisas que, ao meu ver, foram desnecessárias à trama. É que a autora poderia ter encerrado de maneira magistral a trama em seu penúltimo capitulo, no entanto prefiriu acrescentar um último capitulo que, na minha honesta opinião, deixa a trama com um tremendo cabo solto sem responder à certas questões já levantadas desde a metade da história.

Ainda assim, O casal que mora ao lado foi um suspense que conseguiu me prender e me manter em constante estado de alerta, esperando por uma pista da autora para desvendar o responsável pelo sequestro da pequena Cora. 
A trama é interessante, imprevisivel e em certos momentos até mesmo sombria, perfeito para aqueles que estão iniciando a ler histórias do gênero.

Shari Lapena trabalhou como advogada e professora de inglês antes de se tornar escritora. O Casal Que Mora ao Lado, seu primeiro thriller, foi finalista do Goodreads Choice Awards na categoria Mistério & Thriller e figurou várias semanas na lista de mais vendidos do New York Times. Os direitos de publicação foram adquiridos por 24 países.

Web Page Oficial: https://www.sharilapena.com/

Twitter: Shari Lapena 




Nos lemos,

Alice

15 comentarios:

  1. Já li o livro, gostei dele, porém também achei algumas coisas desnecessárias, mas valeu a leitura!

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  2. Oi Alice, tudo bem? Ai, já fiquei impactada com a história. Realmente tenho dificuldade em ler thriller, suspense ou semelhante, sou muito amedrontada, temerosa e impressionável. Confesso que ler histórias com crianças não me atraem nem um pouco, mas fiquei intrigada pelo que acontece ao final, qual é a trama que a autora criou e, se, ao final Cora fica bem com seus pais (acho que eu leria até o final só pra saber se a bebê estava bem). Enfim, acho meio absurdo esse comportamento dos pais, nada verossímil, mas ok.
    Beijos´
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  3. Oi, Alice
    Eu já vi tantas resenhas sobre essa obra que fico muito curiosa para saber a respeito, mas sei que não leria pelo fato de ser suspense. Só que eu fico muito tentada a pedir spoilers só pra saber o que acontece! É uma pena que não tenha um blog que dê spoilers, ainda mais de suspense kkkk
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderEliminar
  4. Estou com esse livro aqui para ler, mas ainda não consegui concluir acredita. Não sei bem o que esperar, gostei da sua resenha. Um beijo.

    Ventos de Maio

    ResponderEliminar
  5. Olá, Alice.
    Não é um dos melhores do gênero que já li, mas gostei bastante. O que não me conformava era com aqueles pais term deixado a criança sozinha. Peguei birra deles e queria que os dois se dessem mal hehe.

    Prefácio

    ResponderEliminar
  6. Oi Alice! Eu li o outro da autora a gostei, mas já me falaram que este é melhor. Estou bem ansiosa para conferir. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderEliminar
  7. Oi, Alice. Tudo bem?

    Não conhecia o livro, a autora e muito menos o novo gênero (até porque não sou tão fã de suspense), mas achei a história bem envolvente. Parece ser muito interessante mesmo.
    Infelizmente alguns autores acabam estragando uma boa história no final, não é? Para mim, isso é tão desapontador.
    Mas pelo a história consegue envolver.
    Beijos,
    Magia é Sonhar
    Conheça o nosso Canal

    ResponderEliminar
  8. Oi Alice, tudo bem?
    Amo amo amo livros de suspense, são meus favoritos <3
    Gostei muito dessa dica e fiquei interessada. Vou até anotar no Skoob. ;)
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderEliminar
  9. Amei sua resenha, uma pena o autor não ter conseguido aproveitar a história, fico decepcionada quando o livro é bom, mas o fim é ruim.

    www.kailagarcia.com

    ResponderEliminar
  10. Oi, Alice!
    Quero ler O Casal Que Mora ao Lado porque é o tipo de leitura que eu adoro.
    O suspense, o mistério, um caso para resolver. São elementos que nos fazem querer devorar o livro.
    E não conhecia a expressão domestic noir. Gostei.
    Pena que o final ficou a desejar para você.
    :(

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderEliminar
  11. Oi Alice! Esse livro parece ser interessante, adoro thrillers!
    Não estava sabendo que isso virou um subgênero, rs
    Sua resenha me deixou curiosa!
    Beijão
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderEliminar
  12. Oi Alice,

    Dei uma parada no suspense, mas quero retomar em breve.
    Acho que esse livro seria muito interessante, gostei da premissa dele.
    Dica anotada.
    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderEliminar
  13. Amei!!!

    Excelente artigo!

    Um dos melhores blog que acesso, sempre tem artigos novos e com bastante conteúdo de qualidade.

    Parabéns!


    Meu Blog : Loterias da Caixa

    ResponderEliminar
  14. Oi Alice!
    Eu cheguei a conhecer o livro através do evento da Record aqui, mas confesso que não me animo porque o gênero em si não me chama atenção. Sou medroso e ansioso e isso não me gera uma experiencia muito positiva quando tenho que ler algo que tenha muito suspense :( Por isso vou passar a dica dessa vez.

    Abraços
    David
    https://territoriogeeknerd.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  15. Oi Alice, beleza? Eu já ouvi muito falar desse livro, e ele divide pessoas entre odeio e amo. Você foi a primeira pessoa que disse que o livro é bom apesar de ter te deixado meio desconcertada no final, com um capítulo de fechamento que tá mais para qualquer outra coisa, menos isso hahahahaha bem, eu pretendo ler esse livro no futuro e fiquei feliz que ele é perfeito para alguém que está entrando no gênero, porque eu não leio muitos thrillers e quero tentar.

    Beijos da Yana,
    Marshmallow Com Café

    ResponderEliminar