(Review 307) - Save the date

em 9 de agosto de 2019

Título original: Save the date
Autor: Morgan Matson
Editora: Simon & Schuster (USA) / Plataforma Neo (Espanha)
Páginas: 424
Ano de Publicação: 2018 (EUA) 
Gênero: Romance Juvenil
Valoração: 
Goodreads Amazon Skoob Saraiva

A irmã de Charlie vai se casar. E pela primeira vez em anos seus irmãos mais velhos estarão todos debaixo do mesmo teto. Charlie deseja desesperadamente desfrutar de um último final de semana perfeito, antes que seus pais vendam a casa e tudo mude. Tomar decisões como qual faculdade escolher ou quando se reencontrar com Jesse Foster, o garoto por quem Charlie sempre esteve apaixonada... tudo isso pode esperar. Charlie só quer se centrar em viver o final de semana perfeito.
O que poderia dar errado??
Primeiro, a organizadora de casamentos desaparece. Depois, o alarme da casa não para de disparar. O terno do noivo sumiu, apareceu um cachorro com tendência a latir muito, e ainda tem um vizinho que parece disposto a sabotar a festa de casamento. Isso sem mencionar o sobrinho do novo organizador de casamentos que se tornou uma inesperada e atraente distração. Durante três dias caóticos, Charlie aprenderá mais do que esperava sobre a família que ela acreditava conhecer profundamente. E se dará conta de que, às vezes, tentar que tudo continue sendo como foi no passado significa perder um pouco do que poderia vir a ser no futuro.


Minha opinião:

De Morgan Matson consegui ler todos os livros e, à sua maneira, todos me encantaram e me deixaram uma sensação diferente. Matson não escreve romances adolescentes simplórios e pouco elaborados, muito ao contrário. Suas tramas possuem sempre um pano de fundo amplo, retratando conflitos da juventude de maneira realista e bem fundamentada, nunca se deixando levar pela tentação de reproduzir um romance ilusório e forçado, mas sim nos mostrar personagens vivendo situações cotidianas que causem impacto e reflexão no leitor. E é essa maturidade na escrita que me faz amar Morgan Matson e seus livros e sempre recomendá-la. 

Save the date  é até aqui o livro mais despretensioso que li da Matson. É quase uma comédia romântica, ambientada na deliciosa Connecticut e nos apresentando a típica família americana gigante, que deixa a gente nostálgico das boas coisas da vida. A história se passa em apenas um final de semana e foi bem gostoso ver como Matson consegue mudar a trama até o final e permite que seus personagens evoluam de maneira agradável ao leitor.

Charlotte (Charlie) é quem nos narra a história. Ela é a caçula de uma família de cinco irmãos e está ansiosa pois pela primeira vez em muito tempo ela terá toda a família reunida novamente na casa onde cresceram, antes que Charlie e seus pais tenham que se mudar. É que Linnie, a irmã dela, vai se casar ali com Rodney, seu namorado de longa data e tudo na cerimônia tem que ser perfeito. Mas, desde que a organizadora de eventos Clementine decidiu desviar os fundos e desaparecer, as coisas se torceram. Charlie precisa que este final de semana seja perfeito e ela vai querer consertar tudo o que estiver saindo errado nem que tenha que se virar em trinta! Pra conseguir colocar tudo em ordem vai contar com a ajuda do Bill, um fofo que substitui Clementinne e tentará ajudar seu tio Will a reorganizar um casamento que parece fadado à todo tipo de confusões. Além disso tem a mãe de Charlie, uma famosa autora de comics que decidiu finalizar sua série, The Grants, baseada na rotina da própria familia, justamente nesse final de semana, e o Good Morning America, popular programa televisivo decidiu aparecer por ali pra conhecer a família Grant de perto.
Imagina só ter que lidar com um casamento atrapalhado e um programa televisivo no mesmo final de semana, e fazer tudo dar certo? Como se fosse pouco, tem um cachorro de aluguel vivendo na casa e causando confusão, além de um padrinho com uma atitude suspeita, uma nova namorada do seu irmão favorito que não estava prevista nos planos de Charlie, uma tia do noivo alvoroçada e briguenta, um irmão afastado que se recusa a lidar com os pais após uma briga feia e o crush eterno de Charlie, Jesse Foster, que decidiu dar uma chance pra garota logo agora, quando tudo está de pernas pro ar! Mas Charlie não perde o charme e nem a fé, e vai dando um jeitinho pra conciliar as coisas todas enquanto corre atrás de ternos, bolos de casamento e irmãos alocados que, mesmo sendo tão diferentes, ainda se amam, como uma enorme família da vida real. 

Save the date causa risos mas também suspiros. Fiquei maravilhada em como a autora trabalha com todos os personagens, permitindo que tenham seu arco, seu grande momento e não apenas Charlie seja o foco maior. A família Grant inteira consegue se destacar e grande parte deles conquistou meu coração. Os pais de Charlie estão tão bem retratados, são um típico casal de classe média, com um monte de filhos crescidos, que esbanjam bom humor, o pai é maravilhoso e divertido. Tem os irmãos de Charlie, Mike, J.J e Daniel que também representam bem seus papéis e não estão ali à toa. Cada um traz um conflito diferente, possui uma trama paralela para si e se revela a cada instante, expondo inesperadas facetas. Gostei demais do Mike porque ele é o filho afastado, mais problemático, e justamente ele é quem mais muda e desponta até o final da trama. J.J é o mais cheio de humor e que faz o leitor rir, mas senti que ele ficou em secundário ao não agregar tanto quanto os outros. Danny é o que menos gostei, ele é o favorito de Charlie e ela idolatra ele de uma maneira nada saudável, o cara tem vários defeitos e age como um babaca com sua namorada, Brooke, e isso me fez pegar birrinha dele desde o começo.
Em contrapartida, adorei até o infinito o casal de noivos Linnie e Rodney. Eles são engraçados, doces e me fizeram lembrar daquelas comédias estilo O Pai da Noiva que a gente assiste 20 vezes e continua adorando. Aliás, o livro todo tem uma vibe bem "Sessão da tarde", e a narrativa gostosinha e cheia de humor que Morgan Matson traz tem tudo a ver com a trama que ela construiu. 

Embora não seja dramático, Save the date possuí seus momentos mais intensos. É um livro que aborda relações familiares, que fala sobre aquilo que a gente idealiza e nem sempre corresponde à realidade. Charlie tem uma imagem fantasiosa sobre seus irmãos, sobre passar o final de semana com eles, coloca a própria vida pessoal em segundo plano, acaba deixando a melhor amiga Siobhan de escanteio. Tanto seus irmãos como seu crush Jesse são diferentes do que ela criou na sua mente, mas a Charlie meio que se recusa a ver a realidade, por mais que as coisas fiquem óbvias pra ela. Isso não é uma coisa que irrite o leitor, porque a Charlie é doce e a gente entende ela, na verdade, essa reação da Charlie em se recusar a ver o que está diante do nariz faz a gente refletir bastante sobre nossas próprias atitudes, sobre como nós sempre temos essa mania de querer idealizar e romantizar momentos ou pessoas, chegando a acreditar veementemente naquilo. Quantos relacionamentos são assim? Acredito que essa identificação com o leitor é que torna Charlie tão real. O bacana é que quando a garota começa a amadurecer e enxergar as coisas, ela o faz de maneira bem madura e coerente, nada muito brusco e nem repentino, e eu adorei porque é uma reação natural da personagem e ela desabrocha com isso, a Charlie do final acaba muito diferente da que vemos no início e foi muito legal poder comparar.

A narrativa da Matson aqui é rápida e direta, ela cria um monte de situações absurdas pra Charlie enfrentar, e a gente ri e fica aflita junto com a Charlie. A ambientação é gostosa de acompanhar e por ter essa narrativa tão leve e despretensiosa, Save the date se lê em nada e deixa sorrisos no rosto ao terminar.

Concluindo...

Morgan Matson outra vez me deixa com o coração aquecidinho ao finalizar mais um livro seu, é uma autora que segue me surpreendendo e que em cada trama vai mudando o estilo da narrativa, mostrando que possuí um talento indiscutível na hora de criar tramas juvenis cheias de conteúdo. Save the date é uma comédia romântica carregada de doçura que também traz mensagens bacanas para o leitor mais jovem, abordando temas reais dentro de um cenário muito caloroso e envolvente. Valeu a pena apostar em mais um livro da autora, Morgan Matson nunca me decepciona. 

"Parece que no momento em que você tenta explicar para alguém porque ama esta pessoa, as palavras perdem o brilho, é como tentar prender uma borboleta em um estojo, não há como capturar o todo daquilo".


"Ela não sabia o que era amar, desejar e querer, sempre dois passos atrás, sempre nos limites. Como era estar ao lado de alguém e ao mesmo tempo saber que você não está deixando nada, não de maneira significativa. Ou o que é pensar em alguém mil vezes mais do que eles pensam em você. Saber que você é só mais um rosto no meio da multidão enquanto eles estão no centro do palco". 

*** E se você gostou da resenha deste livro, não deixe de conferir as resenhas dos outros livros da autora:

* Um verão para recomeçar (Second chance summer)

* Amy & Roger´s Epic Detour

* Since you´ve been gone

* The Unexpected Everything

Morgan Matson morou em Nova York e depois em Connecticut, mais especificamente em Greenwich. Estudou no Occidental College em Los Angeles, mas na metade do curso de teatro começou a trabalhar no departamento infantil da Vroman´s Bookstore e foi lá que se apaixonou pela literatura YA. Após se formar na universidade, com seu diploma em teatro e inglês, ela se mudou para o leste do país, para estudar na New School, onde se especializou em Writing for Children. Amy & Roger Epic´s Detour, inspirado nas road trips da própria Morgan foi publicado em Maio de 2010. Foi nomeado um dos melhores livros a vários prêmios, traduzido à cinco idiomas e publicado em seis países diferentes. Nesse meio tempo Morgan voltou à Califórnia onde se especializou em Roteiro pela Universidade do Sul da Califórnia. Seu segundo livro, Second Summer Chance foi publicado em Maio de 2012 e baseia-se em grande parte de suas férias passadas nas montanhas de Poconos, na Pensilvânia. Morgan atualmente reside em Los Angeles, embora ela adore viajar e faça isso sempre que pode. Recentemente acaba de publicar seu quinto e mais novo trabalho, Save the Date.

Web Page Oficial: https://www.morganmatson.com/

Twitter: Morgan Matson


Nos lemos, 

Alice

24 comentarios:

  1. Ahhh, parece ser muito amorzinho a história. E quem não gosta de dar boas risadas com uma narrativa não é mesmo?! Adorei a indicação!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderEliminar
  2. Oi, Alice!
    Eu não conhecia a autora, mas eu gostei bastante da sua resenha e da premissa do livro. Achei bem legal que ele tem momentos de risadas e suspiros, acho que já vou procurar saber mais sobre ele!
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

    ResponderEliminar
  3. Oi, Alice
    Como comentei com você eu acho a narrativa da Morgan lenta, mas como essa história tem muitos personagens e vários arcos sendo desenvolvidos, talvez não fique tão parada a narrativa. Eu adoro esse tipo de enredo, é sempre bom ver relações familiares.
    Beijo
    https://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderEliminar
  4. Oi, Alice

    Eu já estava sentindo essa vibe Sessão da Tarde antes mesmo de você fazer esse comentário! Hahaha
    Eu nunca li nada da autora, mas as resenhas dos livros dela sempre me deixam contente mesmo que aquela vontade de conferir a obra dê as caras, sabe? Hahahaha
    Não é muito o que eu costumo ler, mas eu facilmente assistiria a uma adaptação.
    E menina, essa cachorro roubando a cena na capa é tudo! Hahahahahah

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderEliminar
  5. Oi, Alice!

    É sempre bom ler romances mais pé no chão, sem tanto drama ou possibilidades improváveis, e ainda quando são divertidos então, é um prato cheio! Às vezes precisamos mesmo de leituras assim pra distrair, relaxar e nos sentirmos bem quando terminamos o livro. Adorei a resenha!

    xx Carol
    https://caverna-literaria.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  6. Oi Alice! Eu li um livro dela e amei. Torço para que outros sejam publicados aqui.Esse em particular parece tem um clima delicioso. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderEliminar
  7. Oiiii,

    Eu não conhecia a autora, acho que nunca li nada referente a ela, pelo menos não que eu me lembre, mas achei muito fofinha a história e fiquei curiosa para saber um pouco mais sobre estes personagens. Parece ser uma comediando romântica daquelas que encantam e que passam rápido, mal posso esperar para poder conferir.

    Beijinhos...
    http://www.equipenerd.com.br

    ResponderEliminar
  8. Nossa que história engraçada, só de ler a sinopse eu comecei a imaginar tudo dando errado e tudo acontecendo, o negócio do cachorro que não para de latir deve ser horrivel e como assim o vizinho quer sabotar o casamento? Gente! Quanta coisa!
    Nunca li nada parecido, gostei da dica! Já quero ler!

    ResponderEliminar
  9. Olá, Alice.
    Eu ia falar que nunca tinha lido nenhum livro da autora mas dai vi seu link para a resenha de Um verão para recomeçar que foi uma leitura marcante pra mim. Mas o enredo e o tom da história desse é bem diferente. Eu amo livros nesse estilo, inclusive terminei um ontem. Por isso se vier para o Brasil com certeza vou querer ler.

    Prefácio

    ResponderEliminar
  10. Olá! Tem tantos livros nos exterior que são bons e tem diferenças com esse. Eu gosto de novos autores para ler com premissas novas, pena que minha pouca compreensão em inglês não me deixa ler os livros de fora já que só os que fazem barulho por lá que chegam aqui.

    ResponderEliminar
  11. Oi Alice,

    Não li nada da autora ainda, mas pelas suas resenhas ela vem me conquistando.
    A história daria um bom filme com certeza rsrs e já me vejo divertindo e gostando da leitura.
    Mas uma dica sua que vou colocar na lista.
    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Conheça o Instagram

    ResponderEliminar
  12. Oi Alice!
    Nunca tinha ouvido falar nessa autora!
    Eu estou sempre em busca de autores q saibam escrever um romance juvenil realmente gostosos de ler, com conteúdo e sem serem pedantes, então anotei a dica! 😉
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderEliminar
  13. Oi Alice,
    Tenho de vontade de conhecer os livros da autora, cada resenho que leio, me conquista mais.
    Adorei a premissa desse, já me diverti lendo sua resenha. E nossa, cinco irmãos, eu com um já fico meio louca as vezes... imagine mais. Porém, adoro narrativas cheias, um ponto a mais.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderEliminar
  14. Oi, Alice!
    Só de ler a sinopse já estava encantada, lendo a resenha mais ainda.
    Gente, que livro que parece adorável!
    E fiquei feliz de saber que ao final seu coração ficou quentinho. Adoro livros que fazem isso com a gente.
    Já anotei na wishlist, até porque nunca li nada da autora e você falou super bem.
    Deu vontade de ler!

    Beijoooos

    Teca Machado
    www.casosacasoselivros.com

    ResponderEliminar
  15. Gente, que gracinha!!! Eu achei muito clima daqueles filmezinhos leve que a gente assiste para desestressar do dia-a-dia que nos consome.
    Eu nunca havia ouvido falar da autora. E olha que você tem algumas resenhas dela aqui.
    Mesmo gostando de leituras mais densas, pesadas, e até sangrentas... é bom ter dessas dicas que tiram a gente da zona de conforto, diverte, e ainda é bem recomendada!!
    Abração

    Carol, do Coisas de Mineira

    ResponderEliminar
  16. Oi, Alice tudo bem? Nossa parece um livro incrível. Sua resenha ficou ótima, adorei. Abraços!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com

    ResponderEliminar
  17. Oi, Alice. Tudo bem?
    Que delícia de leitura! Eu ainda não conhecia a autora nem seus livros e já fiquei aqui na maior vontade de ler esse, adorei a sua resenha e a maneira como você falou despertou o meu interesse para realizar a leitura.

    ResponderEliminar
  18. Olá, tudo bem? Quando li o nome da autora e achei desconhecido, e não é a toa que quando fui olhar a biografia não conhecia nenhuma obra haha Foi lançado alguma dela já no Brasil? Infelizmente leituras em inglês ainda não estão no meu alcance, apesar de você ter me aguçado curiosidade sobre a obra dela. Adoro comédias românticas bem escritas, ainda mais juvenil, e isso me deixou animada para ler. Vou guardar o nome da mesma para um futuro possível lançamento por aqui.
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com

    ResponderEliminar
  19. Pelo visto é um livro divertido. Acho que ia gostar dessa vibe mais ou menos comédia romântica, com muita confusão no meio.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderEliminar
  20. Já amei 💞💞💞💞💞 pelas suas palavras tive certeza que eu amarei quando ler. Vou esperar serem lancadosmpor aqui para adquiri. Lendo suas impressões confesso que lembrei de algumas séries da Nora Riberts que li e amei e me deixou com uma sensação de acolhimento. Amei a dica. Beijos

    ResponderEliminar
  21. Ahhh, estou apaixonada por sua resenha! Não conhecia o livro e achei a premissa ótima. O fato de sempre ter um fundo cheio de reflexões, já me cativa! Principalmente por se tratar de uma comédia romântica. Gostei!

    Beijos,
    www.psamoleitura.com

    ResponderEliminar
  22. Não conhecia,mas parece bem interessante rsrsrs

    Sua resenha ficou ótima, detalhada sem ficar cansativa,amei! ♥

    Beijos!

    ResponderEliminar
  23. Oi, Alice!
    Eu adoro as premissas dos livros da morgan matson! Sempre vejo sendo falados no Booktube gringo, e eu li Since You've Been Gone, e gostei bastante. É bem gostosinho de ler. Agora tô lendo The Unexpected Everything, espero amar.
    beijos
    https://bit.ly/2KBvj2L

    ResponderEliminar
  24. Oi, tudo bem? Que enredo mais dinâmico hein. Conforme fui lendo a sinopse já me senti cansada com tantos acontecimentos haha Será que em meio a tudo isso o casamento irá acontecer? Ou será que isso é um sinal para que desistam do casamento? Cachorro, alarme, roupa do casamento, só falta sumir a noiva haha Me lembrou bastante comédia romântica. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderEliminar