(Review 371) - O Rei Perverso (O Povo do Ar #2) - Holly Black - De repente, no último livro

13 de julio de 2020

(Review 371) - O Rei Perverso (O Povo do Ar #2) - Holly Black

Título original: The Wicked King
Autor: Holly Black
Editora: Galera Record (Brasil) / Little Brown Books for Young Readers(EUA) 
Páginas: 432
Série:  O Povo do Ar (The Folk of the Air)
           1. O Príncipe Cruel (The Cruel Prince
           2. O Rei Perverso (The Wicked King) 
           3. The Queen of Nothing
Ano de Publicação: 2020 (Brasil) / 2019 (EUA)
Gênero: Fantasia Juvenil
Valoração: 

A intrigante e sangrenta continuação do best-seller do The New York Times, "O Príncipe Cruel". Vencedor do Goodreads Choice Awards 2019.
Para sobreviver no Reino das Fadas, Jude Duarte precisou aprender muitas lições. A mais importante delas veio de seu padrasto: o poder é bem mais fácil de adquirir do que de manter. Ela achou que, depois de enganar Cardan para que ele jurasse obedecê-la por um ano e um dia, sua vida se tornaria mais fácil. Mas ter qualquer influência sobre o Grande Rei de Elfhame parece uma atrefa impossível, principalmente quando ele faz de tudo em seu poder para humilhá-la e prejudicá-la, mesmo que seu fascínio pela garota humana permaneça intacto. Agora, com as ondas ameaçando engolir a terra e um alerta de triação iminente, Jude precisa lutar para salvar a própria vida e a daqueles que ama, além de lutar contra seus sentimentos conflituosos por Cardan no meio-tempo. Em um mundo imortal, um ano e um dia não são nada...




Como se trata de uma sequência de trilogia, não vou comentar muito os rumos da trama por medo de soltar algum spoiler para quem ainda não leu O Príncipe Cruel e por conta disso essa resenha deverá ser um pouco mais curta, mas nem por isso menos animada da minha parte.

E tudo porque O Rei Perverso  conseguiu, para mim, ser uma continuação ainda melhor do que a primeira. Eu simplesmente devorei esse livro depois que me envolvi na trama e não consegui largar mais até a última página. Uma pena que a editora tenha demorado um bom tempo em publicar essa sequência, eu já havia me esquecido de uns detalhes bem importantes e também de personagens fundamentais, ainda assim, uma vez que me senti imersa na estória, não houve mais nenhuma dificuldade e a leitura fluíu maravilhosamente bem, como há tempos não me envolvia tanto com um livro.

Pin de Yessenia Flores en TheCruelPrince (con imágenes ...Como o casal principal, Jude Duarte e Cardan  conseguem ser incríveis e diferentes de tudo o que já li? Eles se amam, eles se odeiam, eles se compreendem, eles se enganam, eles traem, e tudo isso com uma intensidade de fazer o leitor vibrar. Jude e Cardan são bem construídos e surpreendentes, imprevisíveis e perfeitos tanto juntos, quanto separados, mas preferencialmente juntos.

Jude está maravilhosa nessa sequência. Estrategista e implacável, nada para diante dela, e nenhuma emoção é capaz de fazê-la baixar a guarda. Ela desconfia de tudo e todos, e tem umas táticas e jogadas de mestre durante a trama. Eu adoro a Jude, ela é uma das minhas protagonistas favoritas, e isso se deve em grande parte ao fato de ela não se tornar babaca apenas por estar apaixonada. Não, é ao contrário, justamente por se sentir apaixonada ela faz questão de ser ainda mais determinada em seus planos, como um verdadeiro terremoto do reino das fadas.

Cardan no começo da trilogia só pintava como um fae bobo e cruel, capaz de ser babaca quando quer, mas de vez quando parecendo acordar para seus sentimentos. Nessa segunda parte o personagem passa por uma metamorfose empolgante e começa a evoluir bastante, mostrando ao leitor mais lados de sua personalidade, o Cardan capaz de ter planos e fazer suas próprias jogadas, astuto. Eu gostei muito dessa evolução que Cardan vai experimentando e terminei o livro extremamente satisfeita com os caminhos de ambos os personagens. 

Os secundários também brilham demais nessa trilogia, todo mundo tem seu papel, se torna peça chave em algum momento e as peças se movem como em um xadrez bem orquestrado pela autora Holly Black. Não existem bons samaritanos nesse reino de fadas e qualquer favor é simplesmente uma barganha, cobrada posteriormente à preços altos. 
A autora conduz a trama de maneira inteligente, brilhante e consegue introduzir umas reviravoltas de fazer o mundo do leitor surtar completamente. Eu vibro com a escrita de Holly Black porque suas idéias são imprevisíveis e ela faz seus personagens viverem situações inesperadas, a gente nunca sabe o que esperar e ela sabe como desenhar o final perfeito, que nos deixe loucos pela continuação.

Essa trilogia de O Povo do Ar está facilmente se tornando uma das minhas queridinhas em fantasia. É uma trama que foge dos comuns, que embora seja juvenil se revela mais madura, a ambientação é boa, e a narrativa envolve, prende e nos cativa, tudo na mesma proporção.

Concluindo...

O Rei Perverso é uma continuação que para mim conseguiu ser ainda mais excelente do que o primeiro livro, O Príncipe Cruel é uma trilogia que tem me empolgado bastante e ganhado meu coração com facilidade. Os personagens me encantam, a escrita de Holly Black é fluída e os inúmeros plots da trama conseguiram me deixar ansiosa e animada para o grande desfecho, The Queen of nothing.

"Espero que os deixe nervosos saber que estou mentindo. Afinal, se o insulto a mim é deixar claro que sou mortal, esta é minha resposta: eu também moro aqui e conheço as regras. Talvez até conheça melhor do que vocês, porque vocês nasceram com elas, mas eu tive que aprender. Talvez eu as conheça melhor do que vocês porque vocês tem mais chances de quebrá-las."


"Ver o medo do soldado me enche de uma satisfação quase voluptuosa. Eu, que tive pouca autoridade na vida, preciso estar alerta contra esse sentimento. O poder sobe à minha cabeça muito rapidamente, como vinho feérico."

Continua em:


The Queen of Nothing
Holly Black é uma escritora norte americana que mora em West Long Beach, New Jersey. Ela ficou mundialmente famosa após escrever a série de livros As Crônicas de Spiderwick. Holly é também uma grande colecionadora de livros raros de folclore. Em seus primeiros anos de vida ela morou em uma mansão abandonada em estilo vitoriano com sua mãe, que contava a ela histórias de fantasmas e fadas. Seu primeiro livro, Tithe: A modern faerie tale, foi muito bem recebido pela crítica e foi publicado no outono de 2002.
A autora só viria a ficar famosa um pouco mais tarde, com o lançamento do livro As Crônicas de Spiderwick: O guia de campo, primeiro livro da série As Crônicas de Spiderwick.

Web Page Oficial: https://blackholly.com/

Twitter: Holly Black




Até a próxima, 


Ivy

19 comentarios:

  1. Oi, Ivy
    Comentei com você que eu achei o primeiro livro um porre. Sem graça e nada demais acontecia, não entendi a comoção toda com a história, mas eu tenho esperança de que o segundo seja melhor. Estou esperando chegar essa semana aqui em casa e espero gostar tanto quanto você. Se não rolar, vou desistir de vez hahaha
    Beijo!
    https://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderBorrar
  2. Oi, Ivy como vai? Que bom que este segundo livro tenha sido melhor que o primeiro. Tomara que o terceiro lhe agrade ainda mais. Me parece ser uma excelente trilogia. A capa é bastante atrativa. Muito boa sua resenha. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderBorrar
  3. Eu li esse livro em menos de um dia e surtei muito com a leitura. Ele é bem mais frenético que o primeiro, e foi somente depois dessa leitura que gostei realmente dá trilogia.

    Abraço

    Imersão Literária

    ResponderBorrar
  4. Oi, Ivy! Tudo bom?
    Eu lembro que ler esse livro foi só grito e surto o tempo todo, PRINCIPALMENTE com aquele finaaaal.
    O desenvolvimento foi muito mais frenético e a relação Cardan/Jude me matou dezenas de vezes, que saudade dos meus pais caóticos kJNBAOSUFBASOUBGABAOUBAS

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderBorrar
  5. Olá, Ivy.
    Dizem que vão lançar o terceiro ainda esse ano, mas só acredito vendo hehe. Eu tentei me segurar para ler o primeiro exatamente para não esquecer os detalhes da história mas não aguentei. E agora estou aguardando o meu exemplar chegar para devorar ele hehe. Eu não gostei do Cardan no primeiro livro, mas acredito que nesse vou mudar d eopinião.

    Prefácio

    ResponderBorrar
  6. Oii, Ivy!
    Príncipe Cruel está na minha lista de futuras leituras há décadas, mas ainda não consegui ler!
    Agora fiquei ainda mais curiosa por saber que a continuação é ainda melhor aff, vou providenciar essa leitura é pra já :D

    Estante Bibliográfica

    ResponderBorrar
  7. Olá, tudo bem? Eu não costumo ler livros do gênero, mas essa trilogia parece ser muito bacana, pelo o que tu disse. Fiquei curiosa para ler os livros!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderBorrar
  8. OI Ivy! Estou ansiosa para conferir a evolução do Cardan. Eu já gostei bastante dele no livro um e quero ver ele aprontando muitas. A Jude não me cativou antes, vamos ver agora.
    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderBorrar
  9. Oi Ivy.

    Adorei conhecer este livro através da sua opinião e já adicionei na meta de leitura juntamente com o primeiro. Ainda mais sabendo que é uma leitura fluida e parece ser uma marcante. Parabéns pela resenha.

    Bjos

    ResponderBorrar
  10. Olá...
    Adorei a sua resenha!
    Esse livro está na minha lista de desejados e estou simplesmente loooooouca pra ler! Seus comentários a respeito me fizeram desejar a leitura ainda mais...
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderBorrar
  11. Oiii!

    Eu sempre tenho um pé atras com segundos livros pq normalmente eles são bem enrolados, mas fiquei feliz em saber que esse conseguiu ser MELHOR que o primeiro livro, isso é incrivel!!!

    As capas são incriveis, acho que vou comprar o primeiro logo logo, faz tempo que não leio uma série nesse estilo. A resenha está ótima, espero que a continuação chegue logo

    Beijinhos,
    Ani
    www.entrechocolatesemusicas.com.br

    ResponderBorrar
  12. Oi Ivy!
    Eu amo essa continuação. Pra mim, o melhor da trilogia. Os jogos de poder, os planos doidos da Jude e toda a tensão entre ela e o Cardan são maravilhosos. Aff. E o final e ainda melhor. Infelizmente o 3 não foi tudo o que esperava, mas não é ruim. Espero que curta. Jude segue sendo uma das melhores personagens que eu ja conheci.

    Abraços
    Emerson
    https://territoriogeeknerd.blogspot.com/

    ResponderBorrar
  13. Eu amo As crônicas de Spiderwick, mas não tinha associado que a mesma autora! Estou mesmo muito distraída... rsrs Estou doida para conferir essa série já tem é tempo, espero gostar tanto quanto você está curtindo a leitura. Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderBorrar
  14. Oi Ivi!
    Estou doida para ler esses livros, é porque todo mudo fala bem da série, mas estou esperando sair todos para ler de uma vez, sou muito curiosa não gosto muito de esperar kkk. Sua resenha está perfeita, parabéns e falando das capas, são lindas! Adorei saber mais dos personagens nesse segundo volume, espero que saia o terceiro logo, obrigado pela dica, bjs!

    ResponderBorrar
  15. Geralmente o segundo livro pra mim é quase sempre uma ponte, para o terceiro, nem sempre tenho boas experiencias mas pela sua resenha da pra ver como essa obra realmente surpreendeu bastante, adoro uma fantasia bem feita! Obrigada pela dica incrível.

    ResponderBorrar
  16. Estou lendo tantas resenhas e recomendações dessa trilogia, que estou tentada a comprar todos os livros e iniciar a leitura ainda esse ano. O meu problema é que tenho três séries iniciadas que eu gostaria muito de lê-las, antes de começar uma nova, será que consigo? É incrível, como todas as resenhas que leio sobre ela são maravilhosas.

    Viviane Almeida
    Resenhas da Viviane

    ResponderBorrar
  17. Oie Ivy!!

    Estou bem ansioso para começar a ler essa série, tenho visto tanta resenha positiva sobre ela e aqui temos mais uma resenha super sobre!Eu comprei o e-book do primeiro que estava de promoção na Amazon, espero conseguir ler ainda esse ano, para começar a viver um pouco dessa emoção que todo mundo fala sobre essa série!!

    Beijos!
    Eita Já Li

    ResponderBorrar
  18. Eu ainda não li o primeiro livro e tenho vontade.
    Sua resenha só me deixou mais animada, pois dificilmente fico empolgada com as continuações hahahaha e saber que foi ainda melhor, me deixou mais curiosa

    Sai da Minha Lente

    ResponderBorrar
  19. Que bom saber que você gostou tanto assim da leitura, eu ainda não li e tenho curiosidade com ele e com o volume anterior.

    ResponderBorrar



Subir